Menu
Campanha Outubro Rosa 2018

Bancários estão dispostos a parar, aponta Consulta

Saiu o resultado da Consulta aos bancários para a Campanha Nacional. Os resultados da pesquisa realizada pelos sindicatos de todo o país mostram que 60% dos trabalhadores pretendem paralisar as atividades caso as reivindicações as reivindicações da categoria não atendidas pelos bancos e as assembleias deliberem pela greve.

consulta da campanha nacional 2018 d298c

A consulta apontou ainda que, para 25% da categoria, a prioridade da campanha deve ser a conquista do aumento real. Outros 23% querem que a prioridade seja a manutenção de direitos e 18% o combate ao assédio moral. A garantia do emprego (15%) e impedir a terceirização (14%) vieram na sequência.

As demandas foram contempladas pela minuta aprovada na 20ª Conferência Nacional dos Bancários, que reivindica a reposição da inflação (INPC/IBGE) mais 5% de aumento real nos salários e outras verbas salariais. O documento tem como pilares também a defesa da Convenção Coletiva de Trabalho, da mesa única de negociação e o combate às demissões em massa.

A pauta de reivindicação será entregue à Federação Nacional dos Bancos nesta quarta-feira (13/6), em São Paulo.

A pesquisa mostra também que os bancários estão atentos ao cenário político. Para 73% dos entrevistados, a reforma trabalhista (Lei 13.467/2017) foi péssima para o trabalhador e 79% não votará nos deputados e senadores que votaram favorável à nova lei.

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar