Menu
Redes sociais Feebbase
-->

Caixa completa 160 anos sob ameaça de desmonte

160 anos da caixa f7596

A Caixa Econômica Federal completa 160 anos nesta terça-feira (12/1) sendo ameaçada de desmonte e privatização pelo governo Bolsonaro. Para marcar a data, as entidades representativas dos bancários realizarão uma série de manifestações em todo o país para defender a manutenção do banco 100% publico e também a valorização dos empregados.

O aniversário da Caixa será marcado por atividades nas agências, além de um twitaço entre as 11h e as 13h, para reforçar a importância da empresa e de seus funcionários para o desenvolvimento do país. Use as hashtags” #MexeuComACaixaMexeuComOBrasil e #PrivatizaNão para participar da mobilização.

A manutenção da Caixa 100% pública é essencial para os brasileiros, em especial, para a população mais pobre. O banco está presente em 97% dos 5.570 municípios e é o único banco que chega aos locais mais remotos. São 8 unidades caminhão e 2 agências-barco para atender a quem precisa.

O banco também possui o número de 145,4 milhões de correntistas e poupadores. É responsável por 90% da habitação popular no Brasil e através do programa MinhaCasaMinhaVida já entregou mais de 4 milhões de moradias e beneficiou 15 milhões de cidadãos brasileiros. A Caixa também é o banco da cidadania. É ela que faz o pagamento do Seguro Desemprego, Abono Salarial,PIS e outros benefícios sociais. Um deles é o Bolsa Família que beneficia 13,9 milhões de famílias em situação de pobreza.

Apesar desta relevância, o governo Bolsonaro tem feito uma série de ataques ao banco e aos seus empregados. Tem tomado várias medidas para enfraquecer o seu papel social, além de trabalhar para vender as partes mais rentáveis da Caixa, para depois privatizá-la.

Os empregados também sofrem com a política de desmonte. O déficit de pessoal já ultrapassa os 19 mil funcionários, o que tem aumentado a sobrecarga de trabalho para quem permanece no banco. Para piorar, a direção da empresa ainda tem pressionado os bancários para cumprimento de metas desumanas, o que vem aumentando o adoecimento dos trabalhadores.

Participe da mobilização em defesa da Caixa. Nesta terça-feira (12), use as hashtags” #MexeuComACaixaMexeuComOBrasil e #PrivatizaNão e fortaleça a mobilização em defesa do banco.

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar