Menu
Campanha whatsapp

Empregados da Caixa e BNB da Bahia continuam em greve

Em assembléia na noite desta quarta-feira (14/10), no Ginásio de Esporte, os empregados da Caixa e do Banco do Nordeste da base do Sindicato da Bahia decidiram continuar em greve por tempo indeterminado, até que os bancos apresentem novas propostas à pauta de reivindicações do funcionalismo.

As propostas apresentadas até o momento foram consideradas insuficientes pelos bancários, que aprovaram a intensificação do movimento e marcaram uma nova assembléia para esta quinta-feira (15/10), às 18h30, no mesmo local, para avaliar e deliberar sobre a continuidade ou suspensão da paralisação.



Até as 20h desta quarta-feira, nenhuma nova rodada de negociação havia sido marcada pelas direções da Caixa ou do BNB.



Em greve há 21 dias, os bancários da Caixa e BNB vão continuar intensificando o movimento em todo o estado para forçar a volta da negociação com as direções das empresas. “Não queremos apenas reajuste e participação nos lucros e resultados, queremos que os bancos apresentem propostas também à nossa pauta de reivindicações específicas. Queremos isonomia entre os funcionários, um plano de cargos e salários decente e, acima de tudo, políticas que garantam a valorização do funcionalismo”, declarou o presidente da Federação dos Bancários da Bahia e Sergipe, Emanoel Souza, que está em Brasília acompanhando a negociação com a Caixa.

 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar