Menu
Redes sociais Feebbase
-->

Feebbase segue firme na luta pelos direitos da categoria

15.6.21 reuniao camara federal d8a59

Mesmo com as restrições impostas pela pandemia do coronavírus (covid-19), 2021 foi um ano bem movimentado para a Federação dos Bancários da Bahia e Sergipe. A entidade realizou dezenas de plenárias, manifestações e assembleias para mobilizar a categoria na luta pela vacina. Em junho, os bancários dos dois estados chegaram a aprovar uma greve de 24 horas pela vacina, movimento que foi cancelado após a marcação de reuniões com o governo federal e o presidente da Câmara dos Deputados, Artur Lira, e o Ministério Público Federal, em Brasília. As articulações foram vitoriosas e resultaram na inclusão dos trabalhadores dos bancos no Plano Nacional de Imunização (PNI).

Antes disso, a Federação se reuniu com o secretário de Saúde da Bahia, parlamentares e prefeitos para conquistar apoio pela vacinação prioritária da categoria.

Vencida esta etapa, a Feebbase promoveu debates virtuais para debater saúde, previdência e outros temas de interesse da categoria. Promoveu também uma grande Conferência Interestadual, um Webinário sobre redes sociais, um seminário sobre a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), além do Encontro das Bancárias e um curso de formação sindical.

Os dirigentes da Federação participaram também das manifestações nas agências e da organização da categoria na luta em defesa dos bancos públicos e dos direitos conquistados.

Muita ação em 2022

Com a expectativa das atividades presenciais em 2022, a Feebbase planeja retomar a realização dos encontros regionais e do projeto FEEB na base, que consiste na visita e participação nas atividades dos sindicatos filiados.

A Federação vai investir também na realização, em parceria com os sindicatos, de cursos de formação, voltados para os dirigentes e delegados sindicais que estão começando a atuar no movimento sindical.

Em 2022, a entidade vai participar das eleições corporativas dos bancos públicos e também das eleições gerais que acontecerão no Brasil, politizando a categoria e mostrando o melhor caminho para o Brasil.

Está nos planos da Federação realizar também uma grande Conferência Interestadual, encontros das mulheres e da juventude, além de reuniões do setor Jurídico com os sindicatos, a fim de aprofundar as discussões sobre a Lei Geral de Proteção de Dados – LGPD.

No plano institucional, a entidade vai fortalecer ainda mais o Conselho dos Presidentes, ouvindo a opinião dos sindicatos. Os dirigentes da Feebbase participarão ainda de todas as discussões do Comando Nacional dos Bancários, defendendo a opinião da Bahia e Sergipe.

A primeira atividade está marcada para março, quando acontece a reunião de prestação de contas e planejamento para 2022, envolvendo toda a diretoria executiva e plena da Federação.

A Feebbase continuará também a luta em defesa dos bancos públicos, do emprego e pela manutenção das conquistas da categoria bancária. Sem deixar de participar das lutas mais gerais dos trabalhadores brasileiros por direitos.

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar