Menu
21ª Conferência Bahia e Sergipe

Ivânia Pereira e deputado Luciano Pimentel se reúnem para organizar sessão especial em defesa dos Bancos Públicos

Na manhã desta quinta-feira (04), às 11h, a presidenta do Sindicato dos Bancários de Sergipe (SEEB/SE), Ivânia Pereira se reuniu com o deputado Luciano Pimentel para definir detalhes para a Sessão Especial alusiva aos 50 Anos da Federação dos Bancários da Bahia e Sergipe (FEEBA BASE) e em Defesa dos Bancos Públicos: Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal, Banco do Nordeste do Brasil e Banco do Estado de Sergipe (Banese). A sessão será realizada no próximo mês, dia seis de maio, às 17h na Assembleia Legislativa de Sergipe (Alese). Estavam na reunião o diretor de Comunicação do SEEB/SE, Claudio Cerqueira, a cerimonialista da Alese, Laura Kummer, a chefe de Gabinete do deputado, Fabiana Passos e os comunicadores do sindicato e do gabinete parlamentar.aaareuniao 782c0

Esta será a segunda parceria entre o SEEB/SE e o deputado estadual na defesa das instituições financeiras públicas. Em 2017, foi realizado a Audiência Pública "Em Defesa dos Bancos e das Empresas Públicas”. Representantes de entidades bancárias nacionais prestigiaram o evento: Associação dos Funcionários do Banco do Nordeste (AFBNB), Rita Josina; Federação dos Bancários da Bahia e Sergipe (Emanoel Souza); Federação Nacional das Associações do Pessoal da Caixa Econômica Federal/Fenae (Sergio Hiroshi Takemoto). E ainda representantes da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil – CTB/SE (Adêniton Santana) e os sindicatos filiados a CTB. Além do deputado Luciano Pimentel estavam na audiência parlamentares como a deputada Estadual, Maria Mendonça; o vereador de Aracaju, Antônio Bittencourt; o prefeito de Salgado, Duilício Cerqueira Ribeiro; João Ricardo Coutinho, presidente dos Gestores da Caixa; e o dirigente do Departamento Intersindical de Estudos e Estatísticas Sócio-Econômicas, (Dieese-Se), Luis Moura.

Saiba Mais

A Federação dos Bancários da Bahia e Sergipe completou 50 anos de fundação e se consolidou uma entidade de referência na defesa dos diretos da categoria bancária e também de todos os trabalhadores brasileiros. Fundada para fortalecer o poder de pressão dos sindicatos de bancários da Bahia e Sergipe em 1968, a Feebbase construiu ao longo dos anos uma trajetória de destaque na luta por direitos e melhores condições de trabalho para categoria. Segundo o presidente da Feebbase, Hermelino Neto, “a federação que nasceu no auge da ditadura militar no País, que enfrentou a adversidade do movimento sindical sob o regime ditatorial, não se curvou. E a militância de trabalhadores e trabalhadoras bancárias acreditou que era possível enfrentar a adversidade, garantir direitos e organizar a sua categoria. E aqui estamos, por acreditar na força da nossa unidade! Uma categoria que faz uma negociação nacional, com duas confederações, mas com a unidade que sentamos a mesa com os nossos patrões não para deferir uma guerra insanável, mas para construir relações de trabalho saudáveis, onde a nossa categoria tenha ganhos, garantia no emprego, ambiente de trabalho saudável e garantia de direitos. E isso só acontece porque temos organização como a nossa federação. O símbolo da Federação dos Bancários Bahia e Sergipe é a unidade inquebrantável”.

Fonte SEEBSE

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar