Menu
Redes sociais Feebbase

Na Bahia, especialistas debatem desafios de comunicação

desafios da comunicacao sexta 4cc41

Especialistas em comunicação, jornalistas e dirigentes do movimento sindical e social se reuniram na sexta e sábado (29 e 30/11), em Salvador para debater os desafios da comunicação nas administrações públicas. Promovido pelo Centro de Estudo de Mídias Alternativas Barão de Itararé, o seminário foi palco de grandes debates e trocas de ideias sobre temas de intensa importância.

Como se comunicar com a sociedade, a força e os perigos das redes sociais, o fortalecimento da comunicação pública, a comunicação como atividade econômica e questão estratégica e a cultura para emancipação humana foram os temas discutidos nos dois dias do evento.

Uma das mesas mais concorridas foi sobre a força e os perigos das redes sociais. Na mesa, Renata Mielli (coordenadora do Fórum Nacional pela Democratização da Comunicação), Nina Santos (pesquisadora do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia em Democracia Digital), Leandro Fortes (jornalista, escritor e sócio da agência Cobra Criada) e Carlos Tiburcio (Carta Maior) destrincharam o papel decisivo das redes sociais nas eleições de 2018 e analisaram o potencial benéfico - e maléfico - delas para a democracia.

desafios da comunicacao sabado 76fff

Outra mesa importante foi a que debateu a comunicação como questão estratégica, que reuniu a ex-presidente da EBC Tereza Cruvinel, o jornalista Fernando de Morais; o diretor e editor-chefe do Le Monde Diplomatique Brasil, Silvio Caccia Bava; o publicitário Chico Mantovanni; o presidente do Centro de Estudos da Mídia Alternativa Barão de Itararé, Altamiro Borges, e o diretor-executivo do Diário do Centro do Mundo (DCM), Kiko Nogueira. Reunidos na capital baiana, os comunicadores defenderam o investimento em veículos contra-hegemônicos como essencial para reorganizar o campo progressista frente o avanço do conservadorismo no Brasil e no mundo.

O evento reuniu 28 convidados para as palestras e participantes de varais cidades da Bahia, além dos estados do Ceará, Pernambuco e Maranhão.

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar