Menu
Campanha whatsapp

Sindicatos realizam assembleias sobre acordo de teletrabalho no Bradesco

assembleia bradesco teletrabalho 0ca33

Sindicatos de todo o país realizarão assembleias virtuais nesta sexta-feira (11/9), para que os funcionários do Bradesco possam avaliar a proposta de acordo sobre o teletrabalho apresentada pelo banco.

A proposta prevê uma ajuda de custo de R$ 1.080,00 para cobrir gastos adicionais com o teletrabalho (intertnet, luz, etc). A ajuda será paga de uma única vez, no primeiro ano, se o banco não conceder em comodato a cadeira necessária para o trabalho. Caso o banco ceda a cadeira, a quantia será de R$ 960,00. Nos anos seguintes, o banco vai pagar uma quantia de R$ 960,00, que poderá ser pago de uma só vez ou parcelado em até 12 vezes, a critério do banco. Outro avanço na proposta é que o funcionário precisa concordar em ir para o regime de teletrabalho.

O Bradesco também concordou em adotar o controle da jornada, por meio de programa de computador para o registro dos horários de trabalho e/ou por regime de exceção. O banco irá respeitar os intervalos para refeição e os períodos de descanso. Ligações de áudio ou vídeo, mensagens escritas, ou qualquer outra atividade laboral nesses períodos serão proibidas ou caso ocorram serão computadas como horas extras.

O banco também fornecerá notebook ou desktop, mouse, teclado independente e headset, ficando o empregado responsável pela guarda, conservação e devolução. Serão realizados ainda programas de treinamento para quem for trabalhar em casa, bem como para os gestores desses funcionários.

A proposta prevê ainda que o banco oriente todos os empregados em regime de teletrabalho sobre as medidas destinadas à prevenção de doenças e acidentes do trabalho, por meio físico ou digital ou treinamentos à distância. O banco também concordou em realizar acompanhamento especial no exame periódico de quem estiver em teletrabalho.

O Bradesco também vai disponibilizar um canal de apoio para orientações ao funcionário sobre procedimentos profissionais ou equipamentos.

Avanço

Para o Comando Nacional dos Bancários, a proposta contém os principais itens cobrados nas negociações da Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) e por isso, orienta a aprovação da mesma.

O acordo com o Bradesco representa uma conquista por vários aspectos. A legislação atual não prevê controle de jornada, que poderia representar trabalho gratuito. Também não obriga pagamento de ajuda de custo. Outra vantagem do acordo é que na legislação o empregador tem a vantagem de negociar individualmente com o trabalhador o regime de teletrabalho. Já a negociação coletiva dá mais força para a categoria, que a partir desta sexta-feira (11) vai realizar assembleias a partir das 16h e que vão até sábado às 16h. As assembleias foram convocadas para avaliar o acordo negociado pelo Comando Nacional.

Na negociação, banco e o Comando Nacional concordaram em formar um Grupo de Trabalho (GT) para acompanhar a aplicação do acordo na categoria.

Com informações da Contraf.

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar