Menu
Redes sociais Feebbase

25 de novembro: dia contra a violência a mulher

Todos os dias milhares de mulheres são vítimas de violência pelos quatro cantos do mundo. Por isso, é importante lembrar que nesta segunda-feira (25/11) é celebrado o dia mundial da não violência contra mulher.

Este é um problema com raízes profundas, sempre girando em torno do machismo, da ideia de superioridade do homem sobre a mulher. Pode também se manifestar de várias formas, muitas vezes despercebidas, resultando em danos físicos, sexuais e psicológicos.

A Organização das Nações Unidas (ONU) alerta para a violência dentro das próprias casas das mulheres, que é a principal causa de lesões sofridas por aquelas que têm entre 15 e 44 anos. Na Bahia, em 2017 foram registrados 2731 casos de violência contra mulher, um total de 1069 aconteceram dentro de casa.

machismo b9a03

A assistência dada às mulheres que sofrem esse tipo de violência também precisa ser discutida. Na Bahia, o sistema ainda é bastante precário, apenas Salvador, Feira de Santana e Itacaré possuem casa de acolhimento.

Recentemente, o presidente Jair Bolsonaro tirou a obrigação dos hospitais de notificar suspeitas de violência contra mulher. Desta forma, deixando de contabilizar, diminui os números.

O respeito, dignidade e integridade das mulheres ainda são fatores a serem conquistados através de lutas diárias. É de extrema importância desconfiar das “brincadeiras”, não aceitar esses episódio e denunciar.

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar