Logo

Sindicatos denunciam demissões no Santander

15.10 protestos santander salvador 8ddfe

Sindicatos de todo o país saíram às ruas nesta quinta-feira (15/10) para protestar contra as demissões nos bancos. Um dos principais alvos das manifestações foi o Santander, que já dispensou cerca de 1,5 mil funcionários este ano, não respeitando nem mesmo grávidas, que possuem estabilidade provisória.

O banco espanhol foi o primeiro a descumprir o compromisso de não demitir durante a pandemia causada pelo coronavírus. As dispensas começaram em maio e continuam acontecendo em todo o país, sem qualquer justificativa.

15.10 protesto santander feira b1a62

A atividade é parte do Dia Nacional de Luta contra demissões nos bancos. Na Bahia, os protestos aconteceram em Salvador e Feira de Santana.

Os dirigentes da Federação dos Bancários da Bahia e Sergipe e dos sindicatos da Bahia e Feira mostraram aos clientes, a falta de compromisso do Santander com o Brasil, país que representa um terço do seu lucro mundial. Aqui, além de demitir milhares de trabalhadores na pandemia, o banco discrimina os bancários doentes e também persegue os que ajuízam ações cobrando as 7ª e 8ª horas.

 

Template Design © Joomla Templates | GavickPro. All rights reserved.