Menu
Campanha nacional 2022
-->

Santander desrespeita novamente a Justiça

O Santander dá continuidade a postura de desrespeito e intransigência aos trabalhadores e ao sistema judiciário brasileiro. Após cumprir liminares que obrigam o banco a recontratar empregados, a empresa demite-os novamente, desafiando novamente decisões judiciais.

Os relatos são absurdos. Há casos de desligamento no mesmo dia da recontratação. Sem contar que existem trabalhadores que ainda aguardavam perícia médica, mas o banco preferiu ignorar e empurrou mais pessoas à fila do desemprego.

O Sindicato dos Bancários da Bahia já esteve com o TRT (Tribunal Regional do Trabalho), através advogado Nizan Gurgel e dos diretores da Federação dos Bancários da Bahia e Sergipe, Claudevir Moares e José Antônio dos Santos, para expor a situação. Inclusive, o caso já foi denunciado na Câmara de Deputados, em Brasília, pela deputada federal Alice Portugal (PCdoB).

A luta para que as decisões judiciais sejam respeitadas e os bancários reintegrados continuam até que a decisão final da Justiça seja dada. É inaceitável que o Santander desafie a justiça brasileira, além de causar prejuízos à saúde mental dos trabalhadores.

Fonte: Sindicato dos Bancários da Bahia. 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar