Menu
Redes sociais Feebbase

Cartão se torna a modalidade mais cara de 2019

Em todo o ano passado, os juros cobrados do rotativo de cartão de crédito para a pessoas físicas tiveram um crescimento de 33,5 pontos percentuais, chegando a uma taxa média de 318,9% ao ano. Desta forma, ultrapassando o cheque-especial e se tornando a modalidade mais cara.

A taxa média é formada com base nos dados de consumidores adimplentes e inadimplentes. Para os cliente adimplentes, a taxa chegou a 287,1% ao ano no mês de dezembro, no caso dos clientes inadimplentes, os juros chegaram a 339,6% ao ano no mesmo período.

Já a taxa de juros do cheque especial fechou o mês de dezembro com 302,5% ao ano. Nesta modalidade em 2019 a queda foi de 10,1 pontos percentuais. Em dezembro de 2018, a taxa estava em 312,6%.

No ano passado o BC anunciou que os bancos não podem cobrar taxas superiores a 8% ao mês, equivalente a 151,8% ao ano. Assim, os bancos vão atrás de outra forma de extorquir seus clientes e lucrar.

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar