Menu
Feebbase

Depósitos superam saques e poupança registra mais de R$ 3 bi em novembro

A caderneta de poupança voltou a registrar captação líquida em novembro. De acordo com o Banco Central (BC), os ingressos líquidos somaram R$ 3,918 bilhões em novembro, após saída de R$ 2,007 bilhões em outubro.

Apesar do resultado de novembro, no ano, o saques superaram os depósitos em R$ 2,246 bilhões, ante R$ 51,370 bilhões em igual período ano passado. Em novembro de 2016, os depósitos superaram os saques em R$ 1,881 bilhão. Em 12 meses até novembro, o saque líquido soma R$ 2,544 bilhões, ante R$ 6,385 bilhões nos 12 meses até outubro.

O resultado de novembro foi construído no último dia útil do mês, que mostrou captação de R$ 6,244 bilhões, pois até o dia 29/11, a saídas líquidas somavam R$ 2,306 bilhões. O último dia de novembro foi a data-limite para o pagamento da primeira parcela do 13º salário.

Em 2016, a poupança encerrou com saque de R$ 40,701 bilhões, vindo de uma perda líquida de R$ 53,567 bilhões em 2015. Em 2014, a poupança tinha registrado captação de R$ 24,034 bilhões, após o recorde de R$ 71,047 bilhões de 2013.

A captação líquida do mês se soma ao rendimento creditado de R$ 3,139 bilhões, elevando o patrimônio total da poupança de R$ 695,216 bilhões em outubro para R$ 702,274 bilhões no mês passado, novo recorde da série iniciada em 1995.

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar