Menu
Chamada whatsapp

Falta emprego para mais de 28 milhões de pessoas

O índice de desemprego continua a subir em 2019. Dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) mostram que 5,2 milhões de pessoas estão em busca de ocupação há pelo menos 1 ano. Os que estão desempregados há menos de 12 meses somam 8,2 milhões. São mais de 13 milhões de desempregados em todo o país.

A taxa de subutilização, que reúne os empregados com menos de 40 horas semanais e pessoas que não conseguem procurar emprego, foi de 25% só no primeiro trimestre de 2019. Faltou emprego para mais de 28 milhões de pessoas, segundo da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad Contínua).

Entre os estados, a Bahia registrou aumento do número de desempregados nos primeiros três meses do ano. Os 18,3% superam os 17,9% do mesmo período de 2018 e ainda o os últimos 3 meses do ano passado, 17,4%.

Na capital baiana não foi muito diferente. Salvador atingiu apenas no primeiro trimestre de 2019, 15,8% de desocupação, praticamente mantendo o índice dos primeiros 3 meses do ano passado, 15,7%. Entre as 27 capitais, Salvador teve a 6º maior taxa de desemprego do país.

Com a média nacional do desemprego em 12,7%, a pesquisa mostra ainda um outro recorte. A taxa de desocupação entre pretos (16¨%) e pardos (14,5%) está acima. Entre os que se declaram brancos, a média é de 10,2%.

Por Rafael Santos

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar