Menu
21ª Conferência Bahia e Sergipe

Inadimplência: Quase 40% dos jovens tiveram o nome sujo

A Câmara Nacional dos Dirigentes Lojistas (CNDL) e o SPC Serasa divulgaram uma análise sobre a condição financeira da população com faixa etária entre 18 e 24 anos. Segundo o levantamento, 4 em cada grupo de 10 jovens estão ou já estiveram com restrições financeiras por inadimplência.

Entre os 801 entrevistados, 78% informaram possuir alguma fonte de renda e 65% afirmaram contribuir com as despesas da casa. A alimentação foi citada como despesa principal, ou o maior comprometimento da renda.

Nas dívidas de longo prazo, crediários e carnês (compras com taxa de juros alta) somavam 26%, mais 21% se endividaram com empréstimos pessoais e consignados e outros 21% estavam com problemas para quitar o financiamento de veículos.

Ainda segundo o relatório, mesmo com o avanço da idade, a condição do endividamento não reduz como deveria, já que o ano de 2018 fechou com 40% de toda a população brasileira com o nome sujo. Por isso, é necessário maior atenção para a educação financeira o quanto antes.

Por Rafael Santos

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar