Menu
Campanha Outubro Rosa 2018

Índices do mercado de trabalho continuam a cair

Os indicadores sobre o mercado de trabalho da Fundação Getúlio Vargas (FGV) registram queda e baixa expectativa para a criação de novos postos empregos. O Indicador Antecedente de Emprego (IEAEMP), que antecipa as tendências do mercado para os próximos meses caiu 3,3 pontos em relação a agosto deste ano e o Indicador Coincidente de Desemprego (ICD) aumentou 1,3 ponto.

Havendo um conjunto com fechamento de inúmeros postos formais de trabalho, crescimento contínuo dos desalentados (desempregados que pararam de procurar emprego) e as atividades informais como fonte de renda de grande parte da população, os entrevistado não vislumbram possibilidade reais de contratação, apesar de o governo divulgar redução na taxa de desemprego.

Para o economista da FGV Fernando de Holanda Barbosa Filho, a queda nos índices apontam ainda a incerteza dos empresários em relação a situação de toda a atividade econômica no país.

Por Rafael Santos

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar