Menu
Campanha whatsapp

Lucro do Bradesco foi de R$ 7,626 bilhões no primeiro semestre

O Bradesco informou nesta quinta-feira (30/7), que obteve o lucro líquido de R$ 7,626 bilhões nos primeiros seis meses de 2020, um resultado muito bom, se comparado com os outros setores da economia que colhem prejuízos devido a pandemia causada pelo coronavírus.

Entre abril e junho, o banco lucrou R$ R$ 3,873 bilhões, uma queda de 40,1% em relação ao mesmo período do ano passado, mas que representa um crescimento de 3,2% em comparação ao primeiro semestre de 2020. O resultado foi fortemente impactado pela reserva de R$ 3,8 bilhões para provisão para devedores duvidosos, o que mostra que os ganhos continuam bem altos para o banco.

A rentabilidade sobre o patrimônio líquido médio, índice que mede a rentabilidade dos bancos, voltou a subir, passando de 11,7% no primeiro trimestre para 11,9% no segundo. Os ativos totais somaram R$ 1,571 trilhões em junho, uma alta de 5,7%. Já o patrimônio líquido do Bradesco foi a R$ 135,134 bilhões no segundo trimestre, aumento de 4,3% em relação ao primeiro.

Apesar dos dados positivos, o banco anunciou que pretende acelerar o fechamento de agências, que deve chagar a 400 em 2020. Com isso, muitos bancários também perderão seus empregos e milhares de clientes serão prejudicados. Mas, o que importa para o Bradesco é o lucro.

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar